Leituras Online

Translate

quarta-feira, 17 de agosto de 2016

SubgraphOS - Plataforma de Computação Resistente


Subgraph OS é uma plataforma de computação resistente. O principal objetivo do Subgraph é capacitar as pessoas para se comunicar, compartilhar e colaborar sem medo de vigilância e interferência. O que isto significa em termos práticos é que os usuários podem executar com segurança as suas tarefas do dia-a-dia com segurança e privacidade.

Em alguns aspectos, o SOS é como outros sistemas operacionais - é derivado do Debian GNU / Linux e usa o ambiente desktop GNOME como sua interface gráfica. Muitos aplicativos encontrados em outras distribuições Linux também estão disponíveis em SubgraphOS. Portanto, os usuários que já estão familiarizados com o Linux e, particularmente, o ambiente desktop GNOME vai se familiarizar facilmente.
A equipe de desenvolvimento acredita que a melhor maneira de capacitar as pessoas para se comunicar e viver livremente é desenvolver tecnologia que é segura, livre, open-source,  verificável e confiável.


Subgraph OS tem uma parte importante dessa visão.


A Internet é um ambiente hostil, e as revelações recentes têm tornado mais evidente do que nunca que o risco para todos os usuários dia se estende para além da necessidade de garantir o transporte de rede - o ponto final também está em risco.


Subgraph OS foi projetado desde o início para reduzir os riscos em sistemas de ponto de extremidade para que os indivíduos e organizações em todo o mundo podem se comunicar, compartilhar e colaborar sem medo de vigilância ou de interferência por adversários sofisticados através de ataques provenientes da rede.


Subgraph OS é concebido para ser difícil de atacar. Isto é conseguido através de endurecimento do sistema e, um foco contínuo proativa na segurança e ataque de resistência. Subgraph OS também coloca ênfase na integridade dos pacotes de software instaláveis.


Kernel endurecido com Grsecurity / pax





O melhor conjunto de melhorias de segurança do kernel Linux disponíveis. Grsecurity inclui PaX , um conjunto de patches para fazer tanto a interface do usuário e o kernel mais resistentes a exploração de vulnerabilidades de corrupção de memória. Outras melhorias Grsecurity reforça o controlo de acesso local e proporciona um ambiente mais seguro.



Anonimato

Subgraph OS inclui integração com o TOR e a maioria, senão todas as aplicações irão usar por padrão a rede TOR para se conectar à rede


Outros recursos de segurança


Subgraph OS está em constante aperfeiçoamento e endurecendo o estado de segurança do sistema operacional padrão. Isto inclui fazer melhorias de configuração e adicionar inteiramente novas atenuações.


Segurança de memória

A maioria do código escrito para o Subgraph está escrito em golang, que é uma linguagem segura de memória. bibliotecas golang também são muitas vezes executadas no golang puro, o que está em contraste com outras linguagens populares como Python. 

Subgraph também inclui um firewall de aplicativo que irá detectar e alertar o utilizador para ligações de saída inesperados pelas aplicações. O firewall de aplicação é bastante único para sistemas operacionais baseados em Linux e é uma área de desenvolvimento contínuo.

Recursos de segurança adicionais incluem:

AppArmor cobrindo muitas utilidades e aplicações do sistema,
monitor de eventos de segurança e notificações (em breve)
serviço de filtro de porta de controle tor Roflcoptor (em breve)
Porta a nova seccomp-bpf biblioteca golang Gosecco (em breve)

Download

 Alpha

Requerimentos do sistema


Máquina que pode confortavelmente executar GNOME 3:


máquina de 64 bits (Core2Duo ou mais)
2 GB de RAM (4 GB recomendado)
Pelo menos 20 GB de espaço no disco rígido

Descrição traduzida do site oficial>http://zip.net/bftq2m


terça-feira, 16 de agosto de 2016

Arch Linux - Instalação de Drivers de video


Assunto que deixa muitos "assustados" quando em um sistema Linux, principalmente em se tratando de Arch Linux que para muitos é um pouco difícil, porém com certeza é algo simples de se fazer como em qualquer outra distribuição, vejamos então como instalar drivers das principais marcas. 


Habilitar repositórios multilib

Abrir arquivo de configuração pacman.
  • sudo nano /etc/pacman.conf
Descomente as seguintes linhas e salve o arquivo.
  • [Multilib]
  • Include = /etc/pacman.d/mirrorlist

Instalação de Drivers genéricos 

  • sudo pacman -S xf86-video-vesa
Vesa drivers  fornecem aceleração, mas obviamente não irá funcionar como os drivers recomendados para cada tipo e marca de dispositivos que você use. Ele pode ser instalado como uma alternativa para os outros condutores se por qualquer motivo eles falham.

Instalação ATI/AMD Radeon Drivers
Instalar o driver Radeon Opensource.
  • sudo pacman -S xf86-video-ati ou xf86-video-amdgpu
  • Catalyst(proprietário)
  • yaourt -S catalyst-total
  • Configuração
  • aticonfig --initial
  • Para ver outras opções de configuração vá na wiki ou consulte aticonfig --help no terminal
  • Adicionar nos módulos do kernel
  • /etc/mkinitcpio.conf
  • sudo nano /etc/mkinitcpio.conf
  • Em--> MODULES="radeon"
  • E então:
  • sudo mkinitcpio -p linux
Instalação Nvidia Drivers
Opensource Nvidia
  • sudo pacman -S xf86-video-nouveau
  • Proprietário
  • sudo pacman -S nvidia nvidia-utils nvidia-libgl lib32-nvidia-libgl
  • Abaixo das séries 400
  • sudo pacman -S nvidia-340xx nvidia-340xx-libgl nvidia-340xx-utils

  • Ainda mais antigas:
  • sudo pacman -S nvidia-304xx nvidia-304xx-libgl nvidia-304xx-utils

  • Configuração
  • Auto-configuração sudo nvidia-xconfig
Instalação Intel Drivers
  • sudo pacman -S xf86-video-intel
  • Crie o Arquivo /etc/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf

  • sudo nano /etc/X11/xorg.conf.d/20-intel.conf
  • E coloque as configs abaixo
  • Section "Device"
       Identifier  "Intel Graphics"
       Driver      "intel"
       Option      "AccelMethod"  "uxa"
    EndSection

Atualizar a lista de pacotes.

  • sudo pacman -Syu
Instalação Bibliotecas Mesa
  • sudo pacman -S mesa mesa-libGL
  • Não instale mesa-libGL se por acaso estiver usando drivers nvidia proprietários incluindo o nvidia-libgl pois o mesa-libgl vai desinstalar os drivers nvidia, ou seja, mesa-libgl* no Arch é para os casos de drivers genéricos
Instalação do mesa de 32bits/lib32
  • sudo pacman -S lib32-mesa lib32-mesa-libGL
  • Não instale isto se por acaso estiver usando drivers nvidia proprietários incluindo o nvidia-libgl pois o mesa-libgl vai desinstalar os drivers nvidia, ou seja, mesa-libgl* no Arch é para os casos de drivers genéricos

domingo, 14 de agosto de 2016

Archlinux - iptables


Archlinux - iptables

Configurar um firewall básico no  Arch  com iptables.


Instale o pacote iptables

pacman -S iptables

Em seguida, você precisa adicionar iptables em DAEMONS de /etc/rc.conf.

No systemd
systemctl enable iptables.service

Verificar o estado atual do firewall.

iptables -L
Excluir / limpar todas as regras da tabela.

iptables -F
Salve regras para arquivar.

iptables-save > /etc/iptables/iptables.rules

Restaurar regras de arquivo.

iptables-restore < /etc/iptables/iptables.rules

Iniciar / serviço / iptables Reiniciar Parar.

systemctl enable/disable iptables.service

Exemplo de arquivo de iptables.

*filter
:INPUT ACCEPT [368:102354]
:FORWARD ACCEPT [0:0]
:OUTPUT ACCEPT [92952:20764374]
-A INPUT -i lo -j ACCEPT
-A INPUT -m conntrack --ctstate RELATED,ESTABLISHED -j ACCEPT
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 22 -j ACCEPT
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 80 -j ACCEPT
-A INPUT -m limit --limit 5/min -j LOG --log-prefix "iptables denied: " --log-level 7
-A INPUT -j DROP
COMMIT

Aceitar todas as conexões http e ssh. Drop se se não haver nenhum pedido/request. E criar log se chegar a este nível. Aceitar todas as ligações locais feitas com auto-retorno.

Este exemplo inclui algumas restrições sobre ssh para limitar o número de ligações por IP num dado intervalo de tempo.

*filter
:INPUT ACCEPT [0:0]
:FORWARD ACCEPT [0:0]
:OUTPUT ACCEPT [52:6560]
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 22 -m conntrack --ctstate NEW -m recent --update --seconds 60 --hitcount 4 --name DEFAULT --mask 255.255.255.255 --rsource -j DROP
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 22 -m conntrack --ctstate NEW -m recent --set --name DEFAULT --mask 255.255.255.255 --rsource
-A INPUT -i lo -j ACCEPT
-A INPUT -m conntrack --ctstate RELATED,ESTABLISHED -j ACCEPT
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 22 -j ACCEPT
-A INPUT -i eth0 -p tcp -m tcp --dport 80 -j ACCEPT
-A INPUT -m limit --limit 5/min -j LOG --log-prefix "iptables denied: " --log-level 7
-A INPUT -j DROP
COMMIT

Isso também pode ser ativado com os seguintes comandos.

iptables -I INPUT -p tcp --dport 22 -i eth0 -m state --state NEW -m recent --set
iptables -I INPUT -p tcp --dport 22 -i eth0 -m state --state NEW -m recent --update --seconds 60 --hitcount 4 -j DROP`
arquivo de regra padrão para o iptables é definida em /etc/rc.d/iptables com a variável de ambiente IPTABLES_CONF = / etc / iptables / iptables.rules. 

Certifique-se de salvar as regras neste arquivo ou alterar IPTABLES_CONF em consequência.



sábado, 6 de agosto de 2016

Video Aulas KDEnlive e Introdução ao OpenShot

                                     


Olá, trago aqui mais algumas vídeo aulas sobre programas Linux, desta vez são os editores de vídeo Openshot e Kdenlive; vou deixar abaixo uma descrição que não foi feita por mim, porém todo usuário Linux conhece bem os dois programas com certeza e as vídeo aulas são para quem ainda não se familiarizou com os mesmos


KDEnlive

Editor de vídeo não linear, KDEnlive é um aplicativo do ambiente gráfico KDE. Este software providencia gerenciamento de projetos e ferramentas de edição enquanto utiliza um renderizador separado (atualmente o PIAVE) para executar operações de edição.

Muitos recursos

Com a visualização de prévia de efeitos em tempo real, KDEnlive permite uma edição de vídeo muito mais prática, permitindo a aplicação de efeitos de áudio e vídeo como brilho, borrado, sepia e volume.

Para melhor gerenciamento do projeto, este software disponibiliza marcadores e guias, além da visualização múltipla de faixas, que divide o visualizador em quatro telas, mostrando uma faixa em cada um. KDEnlive também apresenta integração com seu desktop, adicionando arquivos ao seu projeto com o “arrastar e soltar”.

Suporte a diversos formatos

KDEnlive muitos formatos de áudio, imagem e vídeo, como AVI, MPEG, DV, VOB, WAV, OGG, MP3, GIF (sem animação), JPG, PNG, SVG, entre outros. Este editor também exporta para formatos como  MPEG, DV, VOB, RealVideo, Flash, Theora, WAV, MP3, XviD e Quicktime.


OpenShot

OpenShot é uma alternativa gratuita e de código aberto para quem busca um editor de vídeos para sistemas Linux. Com ele você pode editar seus vídeos de maneira rápida e fácil, através de um programa que oferece vários recursos para edição de áudio e vídeo.

Tarefas como as de cortar e redimensionar vídeos tornam-se muito fáceis com OpenShot. Ele possui integração com o Gnome, possibilitando o famoso “drag and drop” (arraste e solte) de arquivos para dentro da janela do programa, tornando assim a tarefa de importar arquivos para dentro do programa mais simples e ágil.


Seguem a baixo as vídeo aulas dos dois programas
Nota: O pacote de videos KDEnlive possui 7 videos, já o Openshot apenas 2 pois é mais simples e para conhecer algumas funcionalidades sem ir muito à fundo

Downlod Video-Aulas KDenlive

Video-Aulas Openshot










Super fantastico 300x250

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Falando um pouco de Gimp + Video Aulas Para Download


Gimp tem sido um dos maiores desafios para quem migra e está acostumado com Photoshop ou outros editores de imagens do Windows mas que se mostra também uma excelente ferramenta de edição e criação de imagens e existem profissionais muito bons que usam apenas Gimp como Elias de Carvalho que faz verdadeiras obras de arte com Gimp como podem ver abaixo.





Como vemos, com certeza da sim para usar Gimp e apenas Linux caso você queira entrar na área de Design e também pretende ou já usa  Linux; encontrei algumas video aulas guardadas no HD  que poderia ajudar a quem não tem muita noção sobre Gimp, só baixar e descompactar as 10 aulas em mp4, espero que ajude a todos, tenham uma boa tarde.
Download 

Super fantastico 300x250

Nuveem

728x90